sábado, 5 de maio de 2012

Cozinhando Magro - Espaguete a bolonhesa

Essa história de escrever sobre a dieta me relembrou um desejo antigo: o de ter um blog voltado para culinária. Me desanimava a ideia de ter um blog com um tema só, mas principalmente o fato de eu nao saber ensinar. Eu cozinho de olho e não sigo receita. As vezes leio, me inspiro, mas no final a coisa acaba saindo com uma grande parcela de minha autoria. Pois bem, tentarei mudar isso e colocar no papel as coisas que na maioria das vezes vem mesmo é do instinto. Eu amo cozinhar, desde de criança. Sou apaixonada por pratos vegetarianos, massas e bolos. Não gosto muito de carne e queria ter o dom de fazer quitandas! Broas, rosquinhas, biscoitos... Mas esse talento faltou no meu gene mineiro. Pois muito bem. É possivel cozinhar bem e emagrecer, para a felicidade geral da nação!
Mas como emagrecer os pratos? Eu tenho uma certa aversão a produtos light. Acho que na maioria das vezes eles são uma enganação, pois são de qualidade duvidosa (do ponto de vista da saude), caros e na verdade nos dão uma economia muito pequena de calorias se comparados com a qualidade final da receita. Pense num bolo feito com adoçante. Suponhamos que usando o adoçante de forno e fogão você vai economizar 800 calorias no final da receita. Parece bom? Eu não acho. Vamos colocar que você divida o bolo em 12 pedaços. No final, você economizou um pouco mais de 60 calorias por pedaço. Isso não é tanto assim, considerando que o bolo vai ficar diferente e o adoçante de forno e fogão é um assalto a mão armada de caro! Eu ja vi um famosinho aqui na internet que custa mais de 40 reais!! É muito dinheiro pra reduzir 60 calorias num pedaço de bolo. É melhor fazer o bolo normal e so comer um pedaço, simples assim. Alias, isso é outra desvantagem dos produtos light, eles nos dão a ilusão de que podemos comer a vontade e isso é o oposto do que nós precisamos aprender com a RA. Anote aí: para emagrecer você vai ter que aprender que NADA é pra ser comido indiscriminadamente, nem alface! Aprender a comer pouco é fundamental para que sua RA seja bem sucedida. E você aprende. No começo é muito dificil, mas você aprende. Pense como foi a primeira vez em que você tentou dirgir ou andar de bicicleta. É uma habilidade, exige treino, dedicação e paciencia. Sabendo comer você se vira em qualquer lugar, até no rodizio de pizza! Sim, porque o mundo não vai entrar em dieta so porque você está! E você não vai querer ser aquela chata que não vai a lugar nenhum porque so come alface e tomate, vai?
Na minha opinião, os unicos alimentos light que valem a pena ser comprados são maionese, refrigirante (mesmo assim, evite), leite e derivados (iogurte, cream cheese e creme de leite). Só isso que entra light aqui em casa, o resto é tudo normal em quantidades reduzidas ou trocas inteligentes. Inves de usar açucar ou adoçante, eu aprendi a tomar suco sem açucar. Inves de comprar chocolate diet, eu troquei o chocolate ao leite pelo amargo. Comprei boas frigideiras antiaderentes para reduzir a quantidade de oleo no preparo dos alimentos (esse investimento vale muito a pena!!). Todas as massas que compramos sao integrais e inves de usar produtos light nos molhos, incluimos um montão de legumes!
A receita de hoje é uma desse estilo e não é minha fala que gosta de cozinhar e depois posta receita dos outros, é do Pascal. Como um bom belga, ele ama espaguete a bolonhesa, porque é um prato gostoso, simples, barato e facil de fazer. Sim, os belgas não gostam de gastar muito tempo na cozinha então o espaguete esta na mesa das familias muitas vezes por semana. Pra facilitar eles ainda compram um pacote pronto que ja vem o macarrao e o pozinho bomba de sodio pra fazer o molho. Daí é so refogar a carne, adicionar o pozinho, agua e molho de tomate. Mas como aqui em casa entramos os dois na onda de comer saudavel, Pascal criou um super molho a bolonhesa bem colorido, cheiroso e com varios legumes, ficou muito mais gostoso e saudavel. E o melhor de tudo? Ele aprendeu a gostar de cozinhar também. Uma ou duas vezes por semana ele é o piloto do fogão! hehehe... Dai ele testa umas coisinhas novas (tipo achar que colocar pepino no molho da certo! #fail) e até toma uma cervejinha enquanto esta cozinhando! Ta ficando muito brasileiro, esse menino! Vamos à receita:

Espaguete Integral a bolonhesa

 Ingredientes:

- 300gr de espaguete integral
- meio quilo de carne moida
- 300gr de champignons em fatias finas
- meio pimentão amarelo
- 1 cebola roxa grande
- 1 abobrinha pequena
- 2 cenouras medias
- 6 dentes de alho (eu sei que é muito, mas a gente aaama alho! Você pode usar quantidade normais)
- 1 pote de molho de tomate pronto tipo pomarola (+ - 400gr)
- sal
- noz moscada ou pimenta do reino

Modo de preparo:

Em uma panela grande coloque o molho diluido em um pouco de agua. Acrescente a abobrinha, cenoura e pimentao picados em cubos pequenos. Deixe fervendo em fogo alto. Numa frigideira (de preferencia antiaderente, assim você usa menos oleo para refogar) refogue a carne temperada com sal, noz moscada e alho. Quanto estiver bem fritinha, jogue na panela do molho e baixe o fogo. Na mesma frigideira refogue os champignons (se forem frescos, se forem aqueles de vidrinho pode só jogar na panela direto) e coloque também na panela com o molho. Mais uma vez na frigideira, refogue a cebola e acrescente ao molho. Deixe ferver um pouquinho e sirva com o espaguete integral cozido. E um tiquinho de queijo emental por cima que ninguém é de ferro, né? Essa receita rende muito molho. Aqui em casa, duas pessoas, comemos por dois dias (2 pratos de mocinha pra mim e uns 4 pratos de pedreiro pro Pascal), nao incluindo o espaguete. 300gr só da pra um jantar e uma marmitinha pro outro dia.

Esse prato da foto é o meu, com um pegador de macarrao e um concha e meia de molho. Calculando por alto, imagino que deva dar umas 400 calorias, quantidade otima pra uma refeiçao completa de almoço ou jantar. Cabe direitinho num cardapio de 1200 calorias, que é o que eu sigo na minha RA. Dê o braço a torcer, ninguém precisa passar fome pra emagrecer, precisa?

Um comentário:

  1. Duas coisas...

    Pode escrever o blog de culinária, combina contigo.

    E depois já na hora de comecar a treinar os quitutes mineiros tb né?

    Pão de queijo, broas e afins. heheheh

    ResponderExcluir

Pin It button on image hover