sábado, 18 de fevereiro de 2012

Sobre racismo

Discutir sobre racismo é uma coisa que acontece muito frequentemente na minha vida. Eu prometo que nao vou bater mais boca com o povo no Orkut, que nao adianta, que é perda de tempo e raiva de graça, mas eu nao consigo. Hoje me apareceu a maxima de que um individuo que prefere formar uma familia negra é racista pra nao falar em segregação. Eu nao penso na formação de familias negras como segregaçao e sim como valorizaçao. Pensemos juntos. O negro no brasil tem uma auto estima mto baixa sim, porque sua beleza nao é representada em lugar nenhum. Quantos atores sao negros? Quantos politicos sao negros? Quantas misses sao negras? Quantos professores negros voce ja teve na escola? Dizem que a populaçao negra e mestiça ja passa 50% da nossa populaçao. Qual a porcentagem de negros que você ve nesses setores que eu citei acima? Agora vamos pensar nos empregados domesticos, garis, etc? A porcentagem muda?
Um salao de beleza so pra negros por exemplo eu nao vejo como segregaçao, vejo como especializaçao. Por que ninguem fala que a gente vai nos saloes e so ve foto de mulher loira com o cabelo esvoaçante? isso ja esta tao enraizado na nossa mente que passa automatico no detector do que é 'normal' na sociedade. Ou alguem aqui ja viu a Seda ou a L' Oreal com garotas propaganda de cabelos crespos (crespo, nao me venham com cachinhos a la Ana Paula Arosio!)? Eu sinto falta de ver isso na sociedade, sabe. Nao precisa ser programas formados so de atores negros como nos EUA, pq no brasil a parada é outra. Mas la eles estao trabalhando, enriquecendo, ficando famosos. E no brasil? Na balela de que todo mundo tem chances iguais, quem é que tem chances de verdade? Me digam UMA familia negra que ja apareceu numa novela, nao precisa nem ser como protagonista, mas no papel de empresarios, bem sucedidos, numa casa bacana?
Essa conversa de "o que é ser negro no Brasil" fica muito bonita na teoria.  Eu até concordo com ela, se me isolar numa redoma de vidro e pensar so no que eu ja li nos livros. Mas a diferença na pratica é tão gritante que eu me sinto um pouco estupida levantando essa bandeira. Nao vou entrar no merito de discutir isso nos EUA ou Europa, vou focar no Brasil. Convenhamos, todo mundo sabe quem é negro no Brasil. E essa conversa fiada de que todo mundo é misturado, que o Neguinho da Beija-Flor tem 90 e tantos por % de sangue europeu é balela. Sabe o porquê? Porque ninguem pede exame de sangue antes de discriminar. E pior, sao racistas e depois a desculpa de que tem amigos e primos negros, que o Brasil é misturado e que racismo nao existe esta na ponta da lingua! Poxa, Pascal que nao entende uma A em portugues ficou chocado com inumeras situaçoes que viu por la. Por que entao tanta gente passa por situaçoes nitidamente contrangedoras todos os dias e continuam fazendo a Katia? Como ja dizia Kabenguele Munanga: 'o racismo no Brasil é uma obra de engenharia'.
Voltando aos relacionamentos, apesar de o Pascal ser branco, niguem nunca vai me ver levantando bandeira para relacionamento interracial, porque na maioria dos casos, eles nao sao 'neutros'. Eu ja vi mais de uma vez namorado branco chamar namorada de 'nega fedida' na hora de uma briga. Eu ja vi namorado branco mandar a namorada negra alisar o cabelo.  Eu ja vi casos de gente com fenotipo tipo o meu (pai branco e mae negra) se sentir INSULTADA pq foi chamado de negra e dizer que nao é negra, é mulata. A mulher negra é preterida em relaçao a branca, fato. No Brasil mais ainda que nos outros lugares. E uma parte dessa culpa é da midia. Negro quando aparece na tv é gari ou empregado domestico, o cabelo crespo é cabelo ruim e por ai vai (e nao adianta a gente falar que é gente ignorante que é levada por esses estereotipos pq apesar de televisao nao ser referencia de vida para mim ou para alguns de vcs, a midia forma a cabeça da maioria sim)... Ja vi até gente falar que é normal representarem os negros assim, que sao profissões dignas de respeito. Sim, são. Mas a questão nao é essa. Quem almeja ser gari? Quem sonha em ser empregada domestica? A criança negra precisa crescer acreditando que o futuro é aquele ali? E a perspectiva? Como é ver os seus serem desprezados a todo momento? Como é crescer ouvindo que seu cabelo é ruim? Como sonhar em ser o cientista ou o medico do comercial? Nao estou falando que brancos nao entendem ou nao podem se posicionar sobre o racismo. Mas aqui, so empatia nao é suficiente. Um branco pode ter uma idea, mas nunca vai saber o que isso tudo significa de verdade...
No Brasil é muito dificil um homem negro falar que prefere uma mulher negra e eu acho lindo quando isso acontece. Eu mesma, so tive um namoradinho negro em toda a minha vida e em muitos casos nao foi por falta de vontade da minha parte. Os unicos negros famosos casados com negras que eu conheço sao o Anderson Silva e o Lazaro Ramos. É normal que todos os jogadores de futebol, cantores, etc. so se interessem por brancas? É coincidencia? É o amor? Eu acho que nao é. E a culpa nao do negro diretamente, é da sociedade que o pinta assim, que não o vê como objeto de desejo (aqui sem sentido pejorativo). Meu namorado é uma pessoa maravilhosa, sincera, atenciosa, responsavel, carinhosa que me ama e me respeita como mulher e negra. E ele é branco. Eu não vou terminar meu relacionamento porque ele é branco. E eu acredito que existem muitos casais interraciais que encontram o equilibrio e o respeito e vivem uma relaçao 'normal', mas eles não representam maioria. Lembram do caso do Netinho que bateu na mulher? Logico que ele foi muito errado, mas todo mundo sabe que o motivo? Ela o chamou de macaco. Uma mulher que era casada com ele, dividia a cama com ele, num momento de raiva mostra todo o preconceito que estava o tempo todo ali dentro.
Não sei se alguém defende segregaçao, eu nao defendo. Mas eu queria ver a formaçao de familias negras de uma forma mais natural, queria que os homens e mulheres negros estivesse a mesma 'aceitação no mercado', entendem? Até tudo mudar tem muito chão ainda. Mas a consciencia tem mudado a passos um pouco mais largos nos ultimos anos, o que é mto bom. Há quem diga os brancos sempre terão vantagem e nao ha nada que possamos fazer em relação a isso. Eu diria que a vantagem existe e eu não sei se um dia ela vai acabar, mas ela tem diminuido e tem muita coisa que a gente pode fazer sim. Sorte que ha quem pense diferente, do contrario, pode ser que o Obama hj fosse so mais um operario indo trabalhar sentado no fundo de um onibus numa cidade pequena do interior dos EUA.


7 comentários:

  1. Matou a pau Nati. Acho que o caso mais estranho que ja vi foi de uma menina que era au pair aqui, ela era negra, porque me desculpe so por nao ter cabelo crespo (era o que ela alegava por nao se considera negra, e sim morena mais escura). Estavamos tirando fotos no dia da rainha e ela pediu pra ver as fotos da minha camera, comecou a reclamar que tinha alguma coisa errada, ela estava saindo muito escura, eu olhava e nao entendi nada, e as reclamacoes continuaram, eu lembro que quando coloquei as fotos no album do facebook ela veio reclamar que estava parecendo uma "negra" nas fotos. Agora me diz o que a pessoa tem na cabeca pra se sentir ofendida com isso? Ela tinha uma visao totalmente diferente da aparecia dela. Iwan nao entendi nada quando eu expliquei. Enfim, ela deve ter sido criada dando desculpas pela cor da pele e nao aprendendo a ter orgulho da pessoa que ela é.

    beijao

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. isso acontece demais, si... eu lembro dessa historia e nao é a unica que eu ja vi por ai no mundo virtual e real... eu costumo ser paciente. como eu disse, a gente cresce entendendo que ser negro é algo negativo, entao é normal que uns e outros queiram fugir disso. mas eu nao tenho paciencia com quem quer insistir no erro. informaçao ta ai pra td mundo. espero que um dia ela se toque, pq a coisa mais ridicula do mundo é negro ficar bravo por ser chamado de negro e se denominar mulato. a maioria nem sabe o que essa palavra significa.

      Excluir
  2. Olhaaaaa! voce tambem mora na Belgica... =)...

    Vou ler seu blog.... acabei de chegar aqui... Essa coisa de racismo me mata tambem, cansei de ter que me definir pela minha cor... ta louco!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. é, esse assunto da pano pra manga, luana! seja bem vinda! :D

      Excluir
  3. Oi Natália!

    Eu sou nova por aqui e esse post muito me chamou atenção.

    Eu entendi perfeitamente seu ponto de vista, até por que, eu também sou negra. E, já me fiz inúmeras vezes essas mesmas perguntas.

    Concordo em partes quando você fala de relacionamentos interraciais, citando o preconceito enrustido do parceiro branco, pois o fato do parceiro ser negro, não livra o outro de ser agredido racialmente, pois entramos novamente naquela velha questão que o próprio negro, muitas vezes, não tem orgulho de si mesmo. Mas, “i got your point“, pois meu pai que é branco já teve esse tipo de atitude deplorável com minha mãe que é negra.

    Um outro exemplo de como a coisa ainda está muito impregnada é uma amiga minha negra que só namora homens negros, mas outro estava falando comigo de uma amiga nossa negra que teve uma filha com um homem branco e que ela “melhorou“ a família. Eu tive que perguntar se por algum acaso ela iria “piorar“ a família dela casando com um homem negro? Comentário que poderia ter engolido sem dar tempo pro cérebro raciocinar a besteira que ela estava ingerindo!

    Eu acho linda a ex-família do Will Smith! Eles têm aquele “Black Pride“ que é visível a olho nu e eu acho realmente incrível! Mas, ainda assim, eu acho exagero a segregação existente nos EUA. De qualquer forma, isso é algo que ainda não consigo ter lá uma opinião 100% formada, pois sempre me pergunto: "E quanto aos índios que não se misturam, será eles preconceituosos?"

    Um beijo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. oi daiene! é, chegar num consenso quando o assunto é racismo nao é facil mesmo. infelizmente no brasil é mto complicado, pq as pessoas acreditam mesmo que nao sao racistas. esses comentarios ai que vc mencionou, sobre melhorar a familia e tals, atire a primeira pedra quem nunca ouviu. é triste. sobre os indios eu nao acho que sejam racistas. pelo contrario, sofrem mto preconceito assim como nos negros, se vc mora ou ja foi pro norte do brasil vc ja deve ter visto isso claramente. eu nao acho que eles sao preconceituosos pq nao se misturam, do mesmo jeito que acho que o will smith nao é preconceituoso por ter escolhido ter uma familia 100% negra. o motivo que faz um negro ou indio nao querer se envolver com um branco nao é o mesmo motivo que faz um branco nao querer se envolver com um negro ou indio, concorda? sendo assim, nao considero preconceito.

      Excluir
  4. *Ratificando...

    "E quanto aos índios que não se misturam, serão eles preconceituosos?"

    ResponderExcluir

Pin It button on image hover