domingo, 25 de dezembro de 2011

Resumão de fim de ano

Acabou-se mais um ano. A verdade absoluta de que a vida na fase adulta passa mais 'rápido': o Natal chega bem mais depressa do que chegava quando eu era criança. Esse ano voou mesmo. Cheguei aqui em março, logo já era férias de verão, meu anivérsário, hora de voltar pra escola e finalmente as celebrações de fim de ano. Aqui na Bélgica se comemora o Sinterklaas, que é o São Nicolas, se traduzirmos em português. Este foi o santo que deu origem a lenda do Papai Noel e para o qual não se da muita bola no Brasil. Aqui as crianças adoram! A tradição é ganhar chocolate (essa parte eu gosto muito!!). Não vou entrar em discussão sobre essa tradiçao, que tem seu fundo de preconceito e me deixa com a pulga atrás da orelha. Ainda penso na estratégia que adotarei pra explicar o dito e o não dito para os nossos babies quando eles vierem (calma, não estou gravida! São planos futuros), mas isso é assunto para um outro post (eu queria escrever no dia do Sinterklaas mesmo, mas, sabe como é, né..). Anyway, a parte do chocolate eu gosto, como eu estava dizendo. Esse ano, por motivos de força maior, meu presente foi substituido por um livro sobre chocolate! Liiiindo!! Lembra do chocolate Surpresa que vinha embrulhado numa folha de papel laminado? Então, o livro é igualzinho! hahaha... Imita uma barra de chocolate mesmo, com uma fitinha em volta e as informações de peso e concentração de cacau. Dentro, a história do chocolate, as melhores combinações de vinho, café, ervas e várias receitas de bolos, mousses, tortas e muitas outras delícias! Pascal é sempre tão criativo com os presentes que ele escolhe que me deixa com vergonha... Pra ele tinha uma caixa de Ferrero Rocher. Gostoso também, né? (#fail)
Outfit de Natal. Não utilizar se você estiver na Europa.

Esse ano foi o meu primeiro Natal de 'família nova'. Em 2009 passei com a family-in-law, ano passado estavamos na casa dos meu pais no Brasil e esse ano foi aqui, só a gente. Primeiro Natal na minha propria casa com a minha própria família. Tem um jeito de falar isso sem parecer que estou abrindo mão da família 'pai, mãe, irmãs? Não, né? Mas a intenção não é essa, vocês entendem. Bom, fiz steak com molho de champignons e uma salada meeeega linda, Pascal fritou as batatas (colaboração belga). Tomamos vinho, comemos salgadinhos de salmão e depois ficamos enroladinhos no cobertor assitindo filme. Nossa programação não poderia ser mais natalina: 'Cool Runnings', 'Esqueceram de Mim' e 'Ghost'! hahahaha... Sessão nostalgia total! Quem me conhece sabe que quando o assunto é filme ou música, pouca coisa depois dos anos 90 me interessa (na verdade, em outras coisas também. Eu trocaria feliz meu celular com internet por um telefone de disco). Demos boas risadas, conversamos o trivial, falamos sobre o futuro. É, acho que eu cresci.
Esse ano foi de muitas mudanças na minha vida. Mudei de vez pra Bélgica, juntei as escovas de dentes com meu xuxuzinho, aprendi um novo idioma. Também driblei muita saudade, aprendi a ser mais compreensiva e dar o braço a torcer, a ficar feliz e brava com a mesma intensidade, fiquei chorona, aprendi a pedir desculpas. Me certifiquei de que a única pessoa que pode efetivamente fazer algo por você é aquela que você enxerga quando está diante do espelho. Aprendi que esforço recompensado vale mais que ganhar na loteria e que tudo o que vem fácil, vai embora com a mesma intensidade. Aprendi a cozinhar um monte de coisa gostosa esse ano e desenvolvi bastante esse que hoje considero um dos meus dons. Aprendi a dar valor nas coisas que eu tenho inves de ficar pensando no que eu poderia ter.
Muita coisa aconteceu... E muita coisa vai acontecer no ano que vem, mas eu prometi não prometer. 'Uma ação vale mais que mil palavras', diz a sabedoria popular. Alguns planos ja estão se encaminhando, alguns estão sendo formados e assim vai indo... Farei o possivel, um dia de cada vez. Só assim mesmo pra caminhar para algum lugar.
No mais, a consiciência de que o ano que passou fácil não foi, mas foi muito gratificante. E quando chegar o Ano Novo, vou fazer diferente do que faço todos os anos: invés de prometer e pedir o resultado,vou desejar a força pra percorrer o caminho! Que o ano que chega seja cheio de paz, graça, luz, paciência, determinação, fé e recheado de colheitas positivas! Feliz 2012!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Pin It button on image hover